Em democracia as soluções encontram-se a ouvir o povo

passos

O governo cairá em breve. É a crónica de uma morte anunciada.

Nos próximos dias muita gente irá comentar e argumentar sobre o que fazer a seguir.

O único desejo que tenho é que o poder não caia no colo de António José Seguro.

Precisamos de uma inversão total nas políticas. A receita deste governo só afundou ainda mais Portugal: aumentou a dívida, afundou a recessão, fez disparar o desemprego e a falência de empresas. Mas, pior do que tudo foi roubar-nos a confiança e a esperança num futuro melhor.

Em democracia as soluções encontram-se em eleições. Precisamos mais do que nunca de uma união à esquerda, uma esquerda que rejeite a austeridade e relance o investimento para gerar emprego e crescimento. Quanto aos credores externos, não temos outra solução senão dar um murro na mesa e dizer que já chega de sangrar a economia para pagar juros. A auditoria à dívida pública tem de avançar o quanto antes! Só com uma auditoria séria e transparente é que podemos ter um total conhecimento sobre a composição da dívida Certamente que mais negócios como os SWAP estão camuflados na dívida pública. Toda a dívida ilegítima deve ser anulada de imediato.

De seguida, a renegociação é incontornável. Ao longo deste percurso muitos acenarão com a saída do euro e, provavelmente, numa situação limite em que ambas as partes não cheguem a acordo, não teremos outra solução a não ser abandonar o Euro.

Não será um caminho fácil, mas a única certeza que temos é que o caminho que seguimos até hoje foi um falhanço total.

Chegou a hora de discutir, mas também de agregar forças contra a austeridade. Estou convencido que só é possível inverter o estado das coisas se realmente os partidos de esquerda forem capazes de agregar forças em torno de uma agenda com estes três pontos:

– Contra a austeridade;

– Em defesa do Estado Social;

– Pelo emprego e crescimento.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s