A III República Portuguesa morreu! Venha a IV!

As comemorações do 102º aniversário da República Portuguesa foram as melhores das quais tive oportunidade de assistir. Pela primeira vez desde que sou politicamente consciente, constato que a celebração da efeméride foi de encontro à realidade social do país.

A bandeira içada ao contrário e a irrupção pela cerimónia de uma senhora legitimamente indignada com a miséria em que vive, de permeio no séptico e enfadonho discurso de Cavaco, representam de forma fiel o estado decrépito a que chegou a III República Portuguesa.

Um regime podre, corrupto, hipocritamente patrioteiro e em iminente decadência, cuja queda depende apenas do leve toque de um dedo da vontade colectiva. Esta mesma agência popular ditará a erecção de uma forma superior de República. Um regime que faça encontrar a pátria com o seu povo e o Estado com a população trabalhadora.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s